QUINTA-FEIRA, 21 DE FEVEREIRO DE 2019
Plantão
Destaques

Brasil vence a Argentina, mas não se classifica para o Mundial. Equador é campeão inédito

Publicado dia 11/02/2019 às 11h23min
Com formação ofensiva, time brasileiro perde muitas chances, tem contra-ataque aberto no segundo tempo, mas não consegue marcar os dois gols a mais que precisava. Equador, Argentina, Uruguai e Colômbia vão para a Polônia

O Brasil conquistou sobre a Argentina, neste domingo, sua primeira vitória no hexagonal final do Sul-Americano sub-20, mas não foi suficiente. O triunfo por 1 a 0, gol de Lincoln, de pênalti no primeiro tempo - não bastou para o time se classificar para o Mundial da Polônia, uma vez que entrou em campo precisando de três gols de diferença. O resultado tirou dos argentinos o título, que ficou com o Equador.

FORA DO MUNDIAL, DE NOVO

Com a vitória, o Brasil finaliza o hexagonal na quinta colocação, com cinco pontos - mesma pontuação da Colômbia, que fica com a quarta e última vaga no Mundial da Polônia por conta do saldo de gols. Esta é a terceira vez nas últimas quatro competições sul-americanas que o Brasil fracassa e não consegue a vaga para a competição mundial da categoria - a segunda consecutiva.

FESTA EQUATORIANA

Depois de vencerem a Venezuela por 3 a 0, em Rancagua, os jogadores do Equador foram para as arquibancadas torcer para o Brasil - uma vez que só um triunfo brasileiro daria o título aos equatorianos. E deu certo. Quando o juiz apitou o fim da partida, os jovens celebraram muito o título, que é o primeiro da história do país no Sul-Americano sub-20. O Equador encerrou sua campanha com 10 pontos - um a mais que os argentinos. O Uruguai ficou em terceiro com oito pontos, e a Colômbia, em quarto, com 5. Este são os classificados para o Mundial de maio, na Polônia.

BRASIL OFENSIVO

O técnico Carlos Amadeu, que dificilmente continua na CBF sob a coordenação da base do ex-jogador Branco, escalou equipe bem ofensiva. O Brasil foi para cima da Argentina e criou bem mais que nas outras partidas, o que não era difícil. Mas mostrou a dificuldade dos outros oito jogos no Sul-Americano: quando chegava na área, finalizava mal. Na ponta, o cruzamento ou o passe era cortado. O gol saiu de pênalti após Lincoln perder excelente oportunidade dentro da área.

Fonte: GLOBO ESPORT

Mais Populares

Concursos públicos com inscrições abertas

14 de janeiro de 2019 |   278

URGENTE

08 de novembro de 2018 |   169

Roubo a mão armada em Ituiutaba-MG.

06 de novembro de 2018 |   147

ÚLTIMAS Notícias

Fale Conosco

Ituiutaba/MG - Região
| | (34) 9640-0168
tijucanoregional@gmail.com