Uberlândia alcança a triste marca de 1.000 pessoas mortas pela Covid-19; Prefeitura decreta luto oficial de três dias

Uberlândia alcança a triste marca de 1.000 pessoas mortas pela Covid-19; Prefeitura decreta luto oficial de três dias

Onze meses após registrar a primeira morte suspeita pela Covid-19 em Uberlândia, a Prefeitura registrou nesta terça-feira (23), a morte de número 1.000. Nas últimas 24 horas foram confirmados mais 15 óbitos pela doença e outros 529 novos casos também entraram para a estatística oficial, totalizando 66.286 infectados pelo coronavírus, desde o início da pandemia.

O prefeito Odelmo Leão se manifestou nas redes sociais e disse que declarou luto oficial de três dias no Município, em memória das vítimas da doença.Assinei hoje um decreto difícil. Nunca imaginei vivermos tudo isto. São mil vidas perdidas para este vírus, mil sorrisos que não mais serão dados, mil histórias ceifadas pela pandemia. Deixo aqui minha solidariedade, de coração, a todos os familiares e amigos de cada uma destas vítimas. Nos cuidemos! Deus deu a missão, Ele nos dará o caminho”.

As vítimas mais recentes são:

  • um homem de 57 anos
  • três mulheres de 23, 47 e 50 anos
  • cinco idosos de 61, 64, 74, 78 e 80 anos
  • seis idosas de 73 anos (duas), 74, 75, 77 e 99 anos


Entrou em vigor nesta terça em Uberlândia, o toque de recolher e lei seca como medidas de enfrentamento à Covid-19. 
O Município anunciou nesta segunda (22) a criação de um hospital de campanha, que deverá ser montado no Hospital Municipal para atender a pacientes que não têm coronavírus e estão internados em Unidades de Pronto Atendimento (UAI).

Veja abaixo os números comparados com oboletim de segunda (22):

  • Mortes confirmadas: mais 15, totalizando 1.000 vítimas;
  • Casos confirmados: mais 529, totalizando 66.286;
  • Casos suspeitos: aumentou de 100 para 115;
  • Casos descartados: passaram de 206.082 para 207.440 ;
  • Pacientes recuperados: o número foi de 55.655 para 56.042.

Pacientes internados

Somando a rede pública e a privada, o Município tem 680 pessoas internadas, sendo que nem todas são pacientes com a Covid-19. Desse total, 263 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 417 são tratadas em enfermarias.

Segundo o boletim, a ocupação de leitos de UTI geral na rede municipal diminuiu de 99% para 98%. A ocupação dos leitos de UTI destinados ao tratamento de pacientes com coronavírus do sistema público municipaltambém diminuiu de 99% para 98%.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: