YouTube lança anúncio em áudio para aumentar alcance de marcas

YouTube lança anúncio em áudio para aumentar alcance de marcas

YouTube lançou nesta terça-feira (17) uma série de novos recursos focados em publicidade na plataforma. Entre as novas ferramentas, destacam-se os anúncios em formato de áudio, que visam o público que mais ouve do que assiste aos vídeos no site. As novas funcionalidades devem ajudar profissionais de marketing que anunciam no serviço de vídeo da Google.

De acordo com o blog da gigante da tecnologia, o objetivo é ajudar pessoas da área de publicidade e propaganda a “expandir o alcance e aumentar o conhecimento da marca de maneira eficiente com criativos baseados em áudio e os mesmos recursos de medição, público e segurança de marca de suas campanhas de vídeo”.

Novas funcionalidades do YouTube para anunciantes são focadas nas pessoas que mais ouvem música na plataforma do que estão atentas aos vídeos. Créditos: Worawee Meepian/Shutterstock

Para isso, todo o anúncio será focado no áudio do vídeo, sendo que na tela, o usuário poderá ver apenas uma imagem estática, por exemplo, sem maiores elaborações. Segundo o YouTube, o foco da mensagem é: “Pense: se eu fechar os olhos, ainda posso entender claramente do que se trata este anúncio”.

O resultado? Um aumento de 14% no recall do anúncio e o crescimento de 2% na favorabilidade do público-alvo da marca.

Lineups dinâmicos

Além do anúncio em áudio, o YouTube também está lançando o que chamou de lineups dinâmicos de música. Por meio deste recurso, as empresas poderão direcionar seus anúncios para uma coleção de músicas específicas da plataforma. Desta maneira, os profissionais de marketing poderão escolher canais de K-pop ou música latina, por exemplo, dependendo do perfil do seu público-alvo.

post que divulgou a novidade também fez menção ao recurso já estar disponível no Brasil, além de em outros países como os Estados Unidos, Austrália e Canadá.

Sobre as novas transformações digitais da área, a chefe de música do YouTube, Lyor Cohen, afirmou que “independentemente de quando e como as pessoas estão sintonizando, temos maneiras de ajudar os anunciantes a se conectar, mesmo quando estão consumindo música no fundo. Agora você pode complementar os momentos que seus consumidores estão assistindo, envolvendo-os nos momentos em que estão ouvindo, com anúncios de áudio recém-anunciados”.

Fonte: TechCrunch

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: